A César o que é de César.

Já citado por meia blogosfera, mas tão bom que não se pode perder:

Voltaire e Gibbon, como hoje Richard Dawkins ou Peter Berger, são um perigo para a liberdade maior que Napoleão, Hitler ou Mugabe.

Luis M. Jorge

30 thoughts on “A César o que é de César.

  1. Lucas Galuxo diz:

    Descontando trocar Berger por Singer, e colocando um “quase” entre “liberdade” e “maior” o que está errado nessa afirmação?

  2. João. diz:

    Tudo já está condensado no pensamento que coloca Napoleão no mesmo plano que Hitler. Basta isto para que o resto flua por si mesmo.

  3. fnvv diz:

    O Rodney Stark, num livro que tenho dele, diz que não havia cientistas na Grécia ( Ptolomeu, Arquimedes etc), só há ciência cristã ( essa parte JCN não cita, pois…).

  4. Eh, eh ,eh. Mais uma do abominável César das Neves.

  5. henrique pereira dos santos diz:

    “Manipular a mente é pior que controlar leis e polícias”. É disto que discorda? Ou discorda que Dawkins e Singer manipulem a mente? Eu discordo desta última parte, e como diz o Filipe Nunes Vicente, João César das Neves estará, talvez, a cair no erro que critica, mas é tão fácil pegar em frases que retiradas do contexto parecem patetices que esperaria uma crítica menos fácil ao que ele diz, que não me parece tão absurdo como isso.
    henrique pereira dos santos

  6. caramelo diz:

    Com tanta atenção ao JCN quem fica a perder é o professor Pedro Arroja, que tem verdadeiramente um projeto para Portugal. É digna de atenção, como mero exemplo, a sua tese sobre os cuidados de saúde, a seguir atentamente no Portugal hãã Contemporâneo.

    • Caramelo, o post, se é o que penso, é inenarrável. Equivaleria a regredir décadas e voltarmos às taxas de mortalidade neonatal do tempo em que a minha mãe nasceu. A minha avó, que teve os filhos todos em casa, assistiu à morte de 3 filhos no parto. Esta gente dir-lhe-ia uma de duas coisas (ou ambas): (1) foi a vontade de Deus e (2) assim como assim, o saldo é positivo, porque estão mais vivos do que aqueles que morreram.

      • Nem mais. Isto é um país de gente bruta como um chaparro, valha-nos deus.

      • caramelo diz:

        É mesmo esse post, Carlos, ou antes, uma série de posts sobre o assunto. A situação era tal e qual como a descreve. Não sei o que pensar daquilo. Eu tenho uma remota esperança de que ele esteja a gozar, porque nenhum adulto pode ser tão ignorante do seu país, da sua história, e tão insensível.

      • Você consegue encontrar-me isso please?

      • caramelo diz:

        Luís Jorge, é no Portugal Contemporâneo. É difícil escolher uma frase ou um post. Comece com um post de 30 de Outubro chamado “estado ambulância”, (nesse dia aconselho um outro ainda chamado “uma boa causa”), outro de 7 de Novembro com o título “Como uma vela” (não há palavras para definir este) e vá por aí acima. O último está na página actual e chama-se “Que luxo”. O doutor Paulo Mendo andou por lá a defender o SNS. Mas parece que entretanto emudeceu de espanto.

      • Lol. Isso não me espanta.

      • fnvv diz:

        andou a defender o SNS???? Não sabia do que a casa gastava????

      • caramelo diz:

        talvez não e já terá saltado fora, amigo não empata amigo

  7. Fernando Cardoso Virgílio Ferreira diz:

    Caros Luís e Filipe, fui aluno do “Abominável” na Univ. Católica de Lisboa em curso de pós-licenciatura; então, como agora, já demonstrava aquela inclinação para o humor (nem sempre refinado) que lhe trouxe fama entre alunos e “fora” dos “media”, e o sustenta pela fértil produção de opúsculos de índole económica (a UCP paga mal). Nele saliento a carreira académica iniciada como caloiro de Teologia e a posterior vassalagem a Sua Anibalidade como perito em “Economia da Pobreza” (mestrado e doutoramento): talvez isso explique a sua aversão capilar ao Iluminismo e justifique o inerente enchimento da sua coluna jornaleira. É, em suma, uma Isabel Joanete piadística com licença para dar aulas.

  8. João diz:

    Da Idade Média:

    http://en.wikipedia.org/wiki/Dark_Ages_%28historiography%29

    “The concept of a Dark Age originated with the Italian scholar Petrarch (Francesco Petrarca) in the 1330s, and was originally intended as a sweeping criticism of the character of Late Latin literature.[3][12] Petrarch regarded the post-Roman centuries as “dark” compared to the light of classical antiquity. (…) Later historians and writers picked up the concept, and popular culture has further expanded on it as a vehicle to depict the Middle Ages as a time of backwardness, extending its pejorative use and expanding its scope.”

    Das Cruzadas contra a potência Islâmica:

    http://en.wikipedia.org/wiki/Mamluk

    http://en.wikipedia.org/wiki/Dev%C5%9Firme

  9. João diz:

    Não consigo perceber este ódio primário ao homem. Podem não concordar com as ideias, mas caramba, sejam minimamente racionais e objectivos quando o mandam abaixo! O que é que o homem escreveu que seja assim tão chocante? Foram os mitos da idade média?

    Aqui mais um:

    http://en.wikipedia.org/wiki/Myth_of_the_Flat_Earth

    O que não faltam são mitos. A maioria propagados após a Reforma.

    É que nem é preciso ter tara religiosa para ter alguma abertura para uma opinião mais informada caramba.

    Que mal tem que o homem tenha estudado Teologia? Havíamos de estar num belo sitio sem a Teologia de Aquino. Sem o racionalismo que permitiu o Renascimento e o desenvolvimento da Ciência moderna. Leiam caramba!

    de graça: http://www.newadvent.org/summa/

    http://www.amazon.co.uk/History-Christianity-First-Three-Thousand/dp/0141021896/ref=sr_1_1?s=books&ie=UTF8&qid=1354136153&sr=1-1

    As Luzes estão aqui, na leitura, crescer, aprender, para evitar propagar coisinhas pré-concebidas.

    O Luis M. Jorge que se enerva com o “Manipular a mente é pior que controlar leis e polícias”, leia Fukuyama: http://www.amazon.co.uk/Origins-Political-Order-Prehuman-Revolution/dp/1846682576/ref=sr_1_1?s=books&ie=UTF8&qid=1354136368&sr=1-1

    Vai ver que lhe acrescenta.

    O pior é que o homem tem muito por onde se pegue, relativamente aos artigos que vai escrevendo. Mas não aqui.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: