Agradecer?

A propósito da morte de Jaime Neves, o Filipe sugere que agradeçamos a Otelo o seu papel no 25 de Novembro.
Percebo-o bem. A glorificação de um símbolo do fim do PREC como Jaime Neves provoca inevitavelmente um certo triunfalismo de “direita”, e não há nada que mais irrite o Filipe do que o triunfalismo – de “direita” ou de “esquerda”.
Reduzir a história da democracia portuguesa a uma derrota da extrema-esquerda seria míope, sem dúvida. E injusto para todos que fizeram o 25 de Abril. Mas não esqueçamos também que, no 25 de Novembro, Jaime Neves combateu aqueles que queriam escrever uma versão da história ainda mais míope e injusta. Muitos anos depois, alguns continuavam a matar inocentes em nome de tal versão da história. E um deles era Otelo.
Agradecer?
Obrigado, Jaime Neves.

PP

Anúncios

2 thoughts on “Agradecer?

  1. fnvv diz:

    Como me coneces hombre…
    Nota: quem diz que devemos agradecer a Otelo é Apoim Calvão.

  2. Miguel A. Baptista diz:

    Eu vi no post do FNVV apenas uma demonstração da sua fina ironia. Mas por vezes, a todos nós e em múltiplas situações, acontece não sabermos onde termina a ironia e começa o julgamento factual.

    Na Checoslovaquia comunista isso irritava Milan Kundera – “a ironia irrita. Não que ela zombe ou ataque, mas porque nos priva das certezas, desvendando o mundo como ambiguidade”.

    No Portugal de 2013 a fina ironia de FNVV é sempre para mim, motivo de deleite. Mesmo que por vezes não tenha perspicácia para a identificar.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: