Minimalia ( XVIII)

A libertação feminina libertou o pai do seu último dever.

Agora comporta-se como qualquer babuíno. Fecundando aqui e acolá,  deixa um rasto de filhos biológicos, que, de vez em quando, leva a jantar fora.

FNV

Com as etiquetas

2 thoughts on “Minimalia ( XVIII)

  1. balde-de-cal diz:

    como minha mulher não podia ter mais filhos. libertei-me da hipótese de os ter fora de casa.
    sou Peronista ou ‘descamisado’

  2. caramelo diz:

    Isso é mau, Filipe. Mas vá lá que os babuinos levam as crias a comer sopinha de legumes, não vão aos hamburgeres, do mal o menos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: