“Social tragedy”, indeed.

A greve geral vista do Financial Times. O artigo sublinha a unanimidade de patrões e sindicatos e a via sacra dos próximos anos. Nada que impressione a tertúliazinha escalavrada de Massamá, sempre tão exuberante nas nossas caixas de comentários.

Luis M. Jorge

Anúncios

4 thoughts on ““Social tragedy”, indeed.

  1. Fernando Cardoso Virgílio Ferreira diz:

    Caro Luís, Massamá deixou de ser “trendy”: constou-me que o nosso Láparo Primeiro-Sinistro já se teria mudado para localização ribeirinha mais aprazível, convenientemente dotada de garagem subterrânea, onde aguardará pela privatização da “Águas de Portugal”.

  2. Joana diz:

    O artigo não está acessível.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: