Risco

Simpatiza-se com a senhora porque fala economês entendível, exibe grace under pressure  ( tenho a mania de ver o canal parlamento), tem sido competente e  adopta um estilo nada peneirento.

Só não sei se a automática do swaps  já voltou ao coldre, mas enfim…

FNV

Anúncios

17 thoughts on “Risco

  1. João. diz:

    Tenho ódio no meu coração.

  2. Carlos Duarte diz:

    Caro FNV,

    A senhora até pode ser o próximo Nobel da Economia e mais impoluta que Jesus Cristo, mas está embrulhada na história dos swaps, quer a título pessoal – porque ao que parece assinou alguns – quer indirectamente na mal contada passagens de pastas do anterior Governo para este. A sua nomeação é duma estupidez cavalar.

    • fnvv diz:

      por isso falei em risco, parece tão arriscada que só pode ser segura.

      • Carlos Duarte diz:

        Discordo. O Governo (entenda-se, o PM) está com o chão a fugir-lhe dos pés e foi o que arranjaram (até acredito que Paulo Macedo tivesse sido a primeira escolha, mas ele é o ministro mais popular do executivo e não ia agora queimar-se).

        No entanto – e ressalvo que nada me move contra a referida senhora e desconheço se tem culpa efectiva ou não nos dois casos que indiquei – é um erro político colossal! A Ministra vai entrar em funções sob suspeita (e, aposto, desprezo público por parte da maioria da população).

      • p D s diz:

        …eu quase diria que este “aparente” hara-kiri do Passos…é tudo menos aparente!

        De tão obvio, parece-me que não tem nada de “aparente” mas é tão somente propositado…e o passaporte para q o Governo caia…com o Passos a sair tentando o papel de vitima (á PSL)…tipo : “o senhor PR…assim não dá! um saiu..a outra vem e ninguem se cala…já não me deixam…assim é impossivel!”

        …acho que é mesmo o esticar de corda, para q a mesma se parta!

        (mas veremos…daqui até Setembro…se era “aparante hara-kiri” ou se foi memso propositado!)

    • XisPto diz:

      Interessante: o problema objectivo é a responsabilidade pela celebração de contratos cujo conteúdo não defenda o interesse público, aparentemente, Teixeira dos Santos é o responsável (se existir esse problema), mas toda a oposição pretende transformar aquele “pequeno problema eventualmente inexistente” na responsabilidade de Gaspar na “grave responsabilidade objectiva” de não ter resolvido diligentemente “o problema”. É difícil imaginar uma metáfora mais ajustada à situação em que governo (por existir) se encontra. Se a opinião pública e o eleitorado engolirem isto, realmente, não sobra muita esperança para este pobre país.

      • Carlos Duarte diz:

        Caro XisPto,

        Vc. devia ler melhor as notícias…

        A responsabilidade pelos contratos foi de quem os assinou – gestores de empresas e entidades públicas – e não do MF (Teixeira dos Santos ou Gaspar). A nova Ministra “pertence” ao clube dos gestores que assinaram.

        Depois, a mim pouco me interessa (para além da normal incompetência governamental) se deveria ter sido logo Teixeira dos Santos a pôr uns travões nos swaps ou se deveria ter sido Victor Gaspar (ou os dois). O que me interessa é que a então Secretária de Estado e (a partir das 17h de amanhã) agora Ministra sabia ou não, sendo dado por certo que tal foi-lhe comunicado (MF / VG dixit). Se sabia, mentiu no Parlamento quando disse que não sabia e é muito grave. Se não sabia, é porque é incompetente e não presta atenção nas reuniões a que presencia, que é igualmente grave.

        Em resumo, temos uma Ministra ou desonesta ou incompetente. Escolha qual prefere.

    • XisPto diz:

      Caro Carlos Duarte:
      Claro que existe responsabilidade pessoal num gestor que assine um contrato em que o interesse público esteja em causa e nesse sentido a República possui os mecanismos de investigação judicial para apurar eventuais responsabilidades da atual ministra. Com o relatório do IGCP público… não parece que por aí exista fundamento, ou acha que se existisse não seria essa a estratégia da oposição? Mas o meu amigo também pretende fazer desaparecer por um passe de mágica a responsabilidade do ministro das finanças que autorizou a celebração de tais contratos… e esse é que para mim é, também, o seu “pequeno problema”.

      • Carlos Duarte diz:

        Caro XisPto,

        Vc. não quer perceber, pois não? Vou tentar de novo:

        – Quem é responsável pela assinatura dos contratos são os gestores. Não é responsabilidade criminal – salvo existência de corrupção ou dolo na sua assinatura – mas pura responsabilidade profissional. O MF é responsável a partir do momento em que detecta a existência e danos possíveis do mesmo e não faz nada. Obviamente que isto tanto se aplica a Teixeira dos Santos (ou o seu Sec Estado) como a Victor Gaspar (e a sua Sec Estado).

        – No caso actual, o Governo tratou (e bem) de dar ordem de marcha às pessoas que tinham estado envolvidas na celebração do referidos contratos. No entanto, existiram dois factores “estranhos”: só fizeram alguma coisa agora e a Sec Estado do Tesouro não foi demitida.

        – Para o primeiro caso, a justificação é que os contratos de swap não eram do conhecimento do Governo até há pouco, responsabilidade do Governo anterior que não comunicou a sua existência. Para o segundo, que os contratos assinados pela Sec Estado correspondiam a verdadeiros swaps e não swaps especulativos.

        – O problema é que o agora demissionário MF veio admitir que sim, que tiveram conhecimento dos swaps, em oposição ao que a Sec Estado disse no Parlamento. Logo, parece-me legítimo que ou a Sec Estado mentiu ou, caso contrário e não tenha sido informada pelo seu próprio superior (o MF) de um assunto deste calibre, devia ter de imediato apresentado a sua demissão por falta de confiança.

        – Para ajudar à festa, parece que os tais swaps assinados pela Sec Estado não eram só dos “normais”, também assinou dos outros.

  3. Bone diz:

    Soa-me a expiação.

  4. antonio diz:

    Quando a vianda é pouca, normalmente as mulheres são mais sensatas a distribui-la, mesmo que tenham que distribuir uns tabefes á canalha mais atrevida. esperemos que seja o caso…

  5. Gregor Samsa diz:

    “Economês entendível”?! Quase como disse em tempos o camarada Paulo Portas,o problema é que “em Portugal a raça económica é fraca”.

    A quem acha piada à criatura aconselho que (re)veja a sua última passagem pela Assembleia da República. À falta de melhor qualificação, aquilo foi um fartar vilanagem… intelectual.

    Já agora, punhamos os pontos em todos os ii. “A graça sob pressão” não passa de um grandessíssima cara de pau” e um topete equivalente.

    Enfim, mais outra “coisíssima nenhuma”.

  6. fernando cardoso virgilio ferreira diz:

    Caro Filipe, a miss swap mentiu ao e no parlamento: porque outorgou os ditos contratos exóticos quando estava na REFER e conheceu todo o processo no IGCP antes de ir para o Governo.
    Os meus parabéns a Teixeira dos Bancos que deitou abaixo 1 primeiro-ministro e 1 ministro das finanças e a Crato por sanear 2 ministros seus colegas…

  7. Jorg diz:

    Como alguém disse é mais um “gestor de massas falidas” e vamos acabar a ter pena dela, como estamos a ter (alguns) do Gaspar – Já agora este, faz como sugerida aqui por um seu compincha de blog, “Para mim, amigos, é igual. Sempre tive jeito para ganhar a vida”.

    A menos que esta se ponha também com aquela pose e comportamento de lacaio/mordomo – assim aristocrata como o Alfred do Bruce Wayne – que até a 25a hora anda aparar as ventilações intestinais das mitomanias do “menino d’oiro’ como o outro tão bem auto-narrou em instrutiva recente entrevista – sinceramente nunca pensei que o ministro de tantos anos, e académico aparentemente respeitado, pudesse continuar a persistir na pose de banana até hoje e contar-nos que, perante um credor que nos bate a porta a perguntar por guito, se lhes deve responder que tivemos ali uns jantares com uma gente importante que nos vão dar dinheiro deles para ir aguentando o carnaval.

    Boa Noite e Boa Sorte

  8. p D s diz:

    FNV,

    pois! (vide meu comment mais acima…)

    Afinal não foi preciso esperar por Setembro…para este Governo acabou de se fechar a ultima das PORTAS…

  9. B.P. diz:

    ‘Grace under pressure’… uau (desculpe) wow!…
    No hard feelings!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: