180 euros/mês: como o dr. Ricardo Salgado gosta

Ao mirtilo. Contratados pela Trasolution e trabalhando na Mirtisul. Todos os nomes.

FNV

Anúncios

8 thoughts on “180 euros/mês: como o dr. Ricardo Salgado gosta

  1. p D s diz:

    Já que havia duvidas ali para os lados da JSD, é caso para dizer:

    – Estão a ver !?!?! …sempre saiem mais barato que um Sindicalista ..ah, pois é !!!

  2. floribundus diz:

    andam a inflacionar o pagamento ao trabalho escravo.
    exagerados. a ugt-ml meteu a viola no saco. fomos todos à viola.
    têm de recuperar os prejuízos do PP

  3. Como diriam muitos fdp (escreveria por extenso, não tenho problemas com isso, mas não quero conspurcar o seu post): têm emprego, o que mais querem?!

    Quanto ao Salgado, na altura escrevi isto: http://thecatscats.blogspot.pt/2013/05/ricardo-salgado-procura-escravos.html.

  4. caramelo diz:

    Choque! Horror! Pobres chineses (clama o país espantado). E no entanto, este é o tipo de salários mais na moda, com pequenos prémios de produtividade. É esse o trabalhos das empresas de trabalho temporário: fornecer mão de obra baratinha e submisssa, em todas as áreas. Nem estou a falar dos recibos verdes, que é outra parte da história. Dá para imaginares o que aconteceria se não tivessemos uma legislação laboral tão rigida, não é?

    • conspirador amador diz:

      ora aí está.

      2,30€ à hora, há uns 4 anos anos, ganhava eu, através de uma dessas empresas. com um prémio de assiduidade, mais um prémio de produtividade (????), subsidio de refeição mais os subsídios de férias e natal pagos todos os meses, a coisa fazia-se com uns quase 600 euros.

      é fazer as contas.

      sublinho que pagar os subsídios repartidos pelos 12 meses não foi invenção de gaspar/passos, foi apenas tentar nivelar por baixo. ir mais longe que a troika. empobrecer para nos tornarmos mais competitivos.

      o que eu me sentia mais era competitivo quando ganhava 2.3€ à hora.

      bons tempos em que eu tinha emprego, diz-me o pequeno martin neves ao ouvido direito. foste explorado e devias revoltar-te, anda comigo para o marquês, diz a raquel varela ao ouvido esquerdo.

      pois é.

      • caramelo diz:

        Você foi colocado por uma empresa de outsorcing ou trabalho temporário e ganhava quase 600 euros por mês, há quatro anos, incluindo subsídios de férias e natal? Nada mau. Normalmente, esses tipos de contrato são por um mês, renováveis com muita sorte, e por isso não há subsídios de férias e natal, e para chegar aos 600 é preciso apanhar muito mirtilo.

  5. murphy diz:

    Isto sim é bom jornalismo. Esperemos que este (e casos semelhantes) cheguem aos telejornais em vez da “Volta ao mundo em jacto particular” de Róoonaldo…

    E não faria mto mais sentido que os sindicatos fizessem as suas manifs nestes locais?

    (Grândola, ironia do destino…)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: