A coligação para as europeias é um penhor de estabilidade

Continuo a entender que o PR só não convoca eleições   se quiser suicidar-se  politicamente ( é lá com ele). O penhor, nas autárquicas,  está de perfeita saúde:

“O doutor Jorge Sobrado [que iniciou recentemente funções de assessor no gabinete da presidente da Assembleia da República, Assunção Esteves] trabalhou comigo no meu gabinete enquanto fui secretário de Estado. E enquanto cidadão, a título pessoal e no exercício da sua cidadania, apoia a minha candidatura”, esclareceu.

À entrada para a visita a uma herdade do concelho de Viseu, o candidato centrista censurou o modelo da candidatura de Almeida Henriques, que diz ser um modelo de quem se serve da cidade e do Governo.

“Olhem bem para a sua estrutura de campanha, vejam bem quem lá está, para que instituições trabalham e depois olhem para a do CDS/PP. Querem este modelo em que se usem os impostos dos contribuintes para uso próprio?”, questionou.

FNV
Anúncios

4 thoughts on “A coligação para as europeias é um penhor de estabilidade

  1. Daniel diz:

    Olhe que não é fácil para um ‘zombie’ politico suicidar-se… E como bem sabemos os nossos zombies políticos, por mais mortes que tenham, têm a irritante mania de se conseguirem levantarem novamente.

  2. floribundus diz:

    para descontrair leiam Besta Fubana

    a política é uma porca sustentada pelos contribuintes

    «Ofende muito a pressão
    Peido grande encarcerado
    Deixa o corpo aliviado
    Depois que sai da prisão
    As veias do coração
    Controlam-se muito bem
    Sente o coração também
    Uma alegria sem par
    Ninguém sabe calcular
    O valor que o peido tem.»

  3. Assunsão Esteves: «Tenho no meu gabinete pessoas de diferentes origens partidárias e, em tempos normais, refletiria sobre a liberdade particular de alguém exercer a sua cidadania ao lado das suas funções. Mas, em tempo de crise, entendo que não deve haver margem para dúvidas.»

    Ou seja, e seguindo o raciocínio da Presidente do Parlamento, em tempo de crise não há liberdade para alguém exercer a sua cidadania ao lado das suas funções. A cada dia uma novidade.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: