É histórico, é histórico:

“Todos os que se atrevem a ter uma opinião (fundamentada) sobre este assunto sofrem retaliações cobardes (ameaças e chacotas) pelos defensores da homossexualidade como regra da humanidade”.

Ora vejam o que é sofrer às mãos “dos defensores da homossexualidade como regra da humanidade”:

FNV

Anúncios

2 thoughts on “É histórico, é histórico:

  1. Fernando Cardoso Virgílio Ferreira diz:

    Caro Filipe, a nossa inefável loura residente Maria Teixeira Alves (adiante singelamente designada por MTA) atacou novamente:
    «[…] a co-adopção de crianças por homossexuais do mesmo sexo que vivam juntos (é de propósito que digo homossexuais do mesmo sexo que vivam juntos, porque pode dar-se o caso de homossexuais de sexos diferentes quererem co-adoptar).
    É por isso altura de voltar ao tema, para lembrar aos deputados de direita que quem os elegeu é contra estas questões fracturantes e como tal, sem o eleitorado de direita ter sido avisado previamente, estas abstenções e estes votos a favor de alguns deputados, quer do PSD, quer do CDS, são uma TRAIÇÃO a quem vos elegeu.»
    1.º – MTA (tão fofinha…) esqueceu a opção adicional da co-adopção pelos «transsexuais do mesmo ou de diferente sexo que vivam ou não juntos», o que me parece uma discriminação sem nome;
    2.º – MTA nunca ouviu falar do que é o mandato eleitoral imperativo que aparenta exigir aos deputados do PPD/PSD-CDS-PP, mas que não tem correspondência no nosso ordenamento jurídico, como poderia esclarecê-la a deputada do PS Isabel Moreira, filha desse epígono da Direita nacional que é o Prof. Dr. Adriano Moreira;
    3.º – MTA não deve apoiar o «aviso prévio» dos deputados da Nação à Nação propriamente dita quando por pura malvadez se lembram de votar como lhes apetece em questões de ordem civilizacional, porque tal obriga a prever mecanismos adicionais de alertaao povopara os quais MTA não dispõe de habilitação técnica suficiente.

  2. caramelo diz:

    Isso não é nada. Tu vais ver quando um dia um grupo de drag queens vestidos de lantejoulas matar de chacota um membro daquela digna Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém. A Maria bem avisa, mas ninguém quer saber.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: