O maior

Ninguém é tão rápido  a mudar de lado. Um profissional ( note-se o “aparentava ser normal em 2011”).

FNV

Anúncios

2 thoughts on “O maior

  1. Fernando Cardoso Virgílio Ferreira diz:

    Caro Filipe, conheci o autor do blog e do postal em causa no dia 1 de Maio de 2012 p.p.: posso afirmar sem erro que ele foi mais uma das incontáveis vítimas da vertigem do poder (fenómeno tão bem descrito num editorial do “Pravda” dos idos de 1936 pelo inolvidável camarada José Estaline) a que se sucede, sempre inexorável, a desilusão do mesmo.
    Enquanto profissional, só lhe conheço o vínculo à Autoridade Tributária e o amor à boa literatura; de resto, até trata pior do que eu o Láparo Primeiro-Sinistro (chamou-lhe «alforreca», que creio não estar muito longe da verdade).

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: