Estradas

Dos divórcios. No Depressão Colectiva.

FNV

Anúncios

2 thoughts on “Estradas

  1. vortex diz:

    nos tempos que correm muitos pais tornaram-se ‘fornecedores de esperma’

  2. Jorg diz:

    Acho que uma sua confrade de blogues, a “Bomba Inteligente”, explicou qualquer coisa… De facto, nas relações (como divórcios) pode existir (e frequentemente existe) sempre alguém que não quer compreensão, respeito, e preservar ou preserverar por ordens do mundo. Por razões diversa, cuja competência para avaliar da minha parte é pouca e desgarrada – e também porque provavelmente conhecerá, pela sua profissão essas topografias bem melhor que eu -, o resultado resume-se e arremata-se ao apaixonado confronto e recriminação e a isso se chama relação. Se se eleje tal como centro de tudo, o que é que interessa que sejamos feitos de pó de estrelas ou de barro do Criador? Repescando as palavras da Sra. D. “Bomba”, acrescenta-se que se a vida mimou um ou outro, ou “entre ambos os dois”, querer isso tudo é querer destruir o outro. Eu já assisti a algumas cenas com conhecidos onde defendiam que isso era parte do ‘legado’…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: