Coisas boas

Este programa da Antena 1. Hoje, as cheias de 62, sons da altura.

Também tem humor. Vou no carro e ouço  a página tantas:” Em 1962, a partir de Bucareste, o PCP lutava pela liberdade  em Portugal”.

FNV

Anúncios

15 thoughts on “Coisas boas

  1. vortex diz:

    a história dos sociais-fascistas do pcp é pela conquista do poder
    por um bando de marginais

  2. Não acho graça nenhuma, masmo. Veja-se aligeireza com que é tratado o assunto da edificação do muro de Berlim. Chama-se a História instrumental, arma politica. O que eles fazem com o dinheiro dos nossos impostos…

    • fnvv diz:

      oh!…mas toda a gente sabe que Muro foi erguido para proteger o socialismo dos abutres imperialistas.

      • João. diz:

        Os únicos muros da liberdade são os de Israel na Palestina e os dos EUA na fronteira com o México.

      • fnvv diz:

        aprecio sempre o sentido de humor: a fronteira México-USA deixa passar mais gente & droga num dia do que seu muro deixaria em mil anos.
        Os muros eficazes, como o seu, são projectados por torcionários, erguidos por assassinos e vigiados por carrascos.

      • João. diz:

        O muro a que você se refere dizendo que é o meu, já não existe. Por mim pode continuar a mandar postais e a combater moinhos de vento. Força nisso.

  3. fernando antolin diz:

    Burrinhos que eram os alemães da antiga RFA…com o paraíso ali ao lado, nunca saltavam o muro para lá ou pensaram em derrubá-lo e unirem-se ao sonho de emancipação humana da RDA…

  4. Miguel diz:

    Bem, bem … eu sei que a escala era diferente e a infra-estrutura também. Mas para muita muita gente à época (durante a guerra colonial) para sair de Portugal também era preciso saltar um “muro” — na falta de autorização para sair do país. Eu conheço gente que foi visitada em casa pela polícia para averiguar das razões que os levavam a pedir tal autorização. Eram visitas muito gentis, sempre a pensar prioritariamente na conveniência para os utentes.

  5. João. diz:

    Se quiser pode argumentar que eu estou a defender o muro de Berlim mas ainda assim cá vai:

    “Forty-five years after the Berlin Wall was built, researchers still can’t say for sure how many people were killed trying to cross it. So far, 125 deaths have been confirmed, but further cases are being investigated.”

    http://www.dw.de/researchers-confirm-125-berlin-wall-deaths/a-2125882

    Sobre o muro da liberdade e democracia:

    “In 2012, 477 migrants lost their lives attempting to cross the U.S.-Mexico border — up from 375 the year before, according to the report by the National Foundation for American Policy titled “How Many More Deaths? The Moral Case for a Temporary Worker Program.” That figure is the highest since 2005, when 492 migrants died.”

    http://www.huffingtonpost.com/2013/03/20/border-deaths-spike-27-percent-immigration-mexico_n_2915605.html

  6. João. diz:

    Dear gentleman of the anticommunist persuasion,

    No. The wall was made by the same reason every wall is made over a frontier- to prevent circulation without control, that is, not only to control the exit but also the entrance. This function also applies regarding the wall of liberty and democracy and, why not, the wall of love, built by the americans over the frontier with Mexico: increase the control of exits and entrances.

    In the communist wall, the one which no longer exists, the State, its true, took upon itself to arrest and shoot people crossing it without permission. In the wall of liberty, freedom, love, peace and prosperity, the state still will arrest and shoot at people trying to cross it without permission but we can add to it the activity of organized crime around, next to and because of it.

    • fnvv diz:

      “Dear gentleman of the anticommunist persuasion”
      Gostei.
      O meu desprezo pelo comunismo ( e pelo nazismo e fascismo) está na proporção inversa do meu gosto em ler Gramsci, Marx, Lukacs etc.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: