Caderno de um reaccionário ( III)

Nos tempos de Pretorius e Pondoro Taylor, entre finais de XIX  e início de XX, os leões do Rufiji comiam pessoas. Agora também.

Colonização, revoluções, mudanças. E os leões continuam leões e os homens continuam  proteína.

FNV

 

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: